quarta-feira, 22 de março de 2017
 
     
 
Governador Alckmin lança nova fase do Programa Nossa Guarapiranga
 
     
 
 
 
Governador Geraldo Alckmin e prefeito João Dória participam da limpeza do Guarapiranga (Foto: Secom)
 
     
 
O governador Geraldo Alckmin participou nesta quarta-feira, 22, data em que se comemora o Dia Mundial da Água, da renovação do Programa Nossa Guarapiranga, da Sabesp, com a Prefeitura de São Paulo. O programa prevê ações conjuntas para a limpeza, retirada de resíduos e conservação do espelho d´água da represa Guarapiranga e suas margens. O novo acordo terá validade de 12 meses e poderá ser prorrogado por cinco anos.
“Hoje é o Dia Mundial das Águas e estamos aqui lançando o programa de limpeza da Guarapiranga. São 11 ecobarreiras, todos afluentes que chegam aqui na represa. Teremos 1,1 km de ecobarreiras para evitar que a sujeira entre na represa, 10 embarcações para limpar o fundo da represa, além da retirar as algas. É a recuperação da Guarapiranga”, comemorou o governador.
O evento também contou com a presença do prefeito de São Paulo, João Doria; do secretário de Recursos Hídricos, Benedito Braga; e do presidente da Sabesp, Jerson Kelman. O objetivo da ação foi detalhado às autoridades em um trajeto de barco contornando as margens do Guarapiranga.
Histórico
Lançado em 2011, o programa Nossa Guarapiranga já retirou 121 mil metros cúbicos de resíduos da represa e suas margens, o que equivale a 6 mil caminhões basculantes de 20 m³. Para fazer a manutenção e limpeza da área, a Sabesp instalou 1.100 metros de ecobarreiras (estruturas flutuantes) em diferentes pontos. Elas retêm o lixo flutuante e impedem a sua disseminação pelo corpo principal da represa.
Para retirada dos resíduos são utilizadas embarcações do tipo bote e de grande porte, que coletam e transferem os resíduos para uma área de transbordo. De lá, a Prefeitura faz o transporte para aterros sanitários.
Para a retirada dos resíduos em profundidade, a Sabesp desenvolveu, em parceria com a Fundação de Pesquisas Agrícolas e Florestais (Fepaf), da Unesp, um barco com braço hidráulico que pode coletar resíduos em até 6 metros de profundidade.
Além da limpeza e manutenção da represa Guarapiranga, a Sabesp fez um trabalho de recuperação de vegetação nas ilhas do Guarapiranga, com destaque para a Ilha da Formiga, onde foram plantadas 300 mudas de árvores e se tornou um ponto de visitação e lazer.
Os benefícios alcançaram os cerca de 1 milhão de pessoas que vivem nas proximidades da Guarapiranga e, indiretamente, cerca de 4 milhões de pessoas que utilizam suas águas para consumo, além de propiciar os usos múltiplos do manancial, como a prática de esportes náuticos e lazer.
Gibi da Turma da Mônica
No evento também foi lançada a revista em quadrinhos “O craque do time”, da Turma da Mônica, de autoria do cartunista Mauricio de Sousa, que estava presente. O quadrinho é uma parceria da Sabesp com a Mauricio de Sousa Produções, o Instituto Trata Brasil, a Cúria Metropolitana de São Paulo e as secretarias de Saneamento e Recursos Hídricos e da Educação.
A tiragem inicial, de um milhão de exemplares, será distribuída pela Secretaria da Educação para alunos do ensino fundamental em escolas públicas da rede estadual e também em igrejas católicas. O objetivo é explicar para as crianças a importância da rede de água e esgoto para a saúde e o bem estar das famílias.

 
     
  Share on FacebookTweetShare on Google+Post to TumblrShare on LinkedInSend email
Mais notícias