sexta-feira, 27 de janeiro de 2017
 
     
 
Arco da Sabesp passa por limpeza e ganha iluminação na Marginal Tietê
 
     
 
 
 
Adutora foi limpa e iluminada para o aniversário de São Paulo (Foto: Assessoria de Comunicação da Sabesp)
 
     
 
Localizada na Marginal Tietê, na altura da Vila Guilherme, na Zona Norte da capital, a adutora conhecida como Arco da Sabesp acaba de passar por trabalhos de limpeza, com a remoção de pichações e a aplicação de adesivos artísticos. Além disso, a estrutura recebeu sistema de iluminação, composto por 40 refletores de LEDs de alta potência nas cores branca e azul.

Inaugurado em 1981, o arco atravessa o Rio Tietê, levando água proveniente do Sistema Cantareira, a cerca de 100 km da cidade de São Paulo, com uma vazão de até 9 mil litros por segundo. A tubulação tem capacidade para abastecer até três milhões de pessoas nos bairros da Mooca, Penha, Vila Alpina, Jabaquara, Vila Guarani, Vila Formosa e Vila Santa Izabel, na cidade de São Paulo, além de São Caetano do Sul, na região do ABC.

As grandes dimensões da adutora fazem dela um marco conhecido dos paulistanos. Para se ter uma ideia, ela mede 110 m de comprimento e é mais longa que um Boeing 747-800, um dos maiores aviões que existem. Para dar vazão a tanta água, seu diâmetro é de 1,80 m – uma pessoa de estatura mediana, por exemplo, poderia ficar em pé dentro do tubo.
 
     
  Share on FacebookTweetShare on Google+Post to TumblrShare on LinkedInSend email
Mais notícias