segunda-feira, 16 de janeiro de 2017
 
     
 
DAEE VAI INVESTIR R$ 12,3 MILHÕES NA MANUTENÇÃO DO PAISAGISMO DO TIETÊ
 
     
 
 
 
O trabalho de manutenção é realizado com uma equipe de 140 homens, que trabalham das 7 às 17 horas. (Foto:DAEE
 
     
 
O DAEE (Departamento de Águas e Energia Elétrica) vai investir R$ 12,3 milhões nos próximos 12 meses no serviço de manutenção do paisagismo das margens do rio Tietê no trecho entre a barragem da Penha e a foz do rio Pinheiros. O grande canteiro, com cerca de 50 quilômetros de extensão (25 quilômetros em cada margem do rio) foi implantado em 2007 com objetivo de integrar as margens do rio à paisagem urbana da cidade, impedir ocupações irregulares e reforçar os cuidados ambientais com as margens do Rio Tietê.
O espaço com 350 mil metros quadrados, equivalente a 50 campos de futebol, conta com aproximadamente 40 mil árvores - entre aroeiras, quaresmeiras, paus-brasis, palmeiras, jatobás, ipês, chorões, manacás da serra, cerejeiras – arbustos de 70 espécies diferentes, com porte de até 30 centímetros de altura, além de forração de grama amendoim, esmerada e vedélia. A vegetação ocupa uma faixa de terreno com largura variável entre 2 e 10 metros, no nível da Marginal Tietê.
O serviço inclui a poda de árvores e arbustos; plantio de 3,6 mil novas árvores, 13,5 mil novos arbustos, 45 mil metros quadrados de grama e 25 mil metros quadrados de vedélia; reposição de 400 árvores e 1,5 mil arbustos mortos; danificados ou roubados; o corte de grama, adubação, controle de pragas e espécies invasoras e irrigação por caminhão-pipa. O trabalho inclui também remoção de lixo e entulho, enviado para aterros sanitários credenciados pela Secretaria Estadual do Meio Ambiente, manutenção das vias de serviço e sistema de drenagem superficial.
 
 
     
  Share on FacebookTweetShare on Google+Post to TumblrShare on LinkedInSend email
Mais notícias