sexta-feira, 25 de novembro de 2016
 
 

Saneamento é tema de painel do Fórum Econômico Brasil-Itália

 
 
 
 
Secretária-adjunta Monica Porto no painel Ambiente e Energia da Missão Empresarial Brasil-Itália (Foto: Gruiz)
 
 
 
 
As oportunidades de investimento e as ações para a universalização do saneamento no país foram tema do painel Ambiente e Energia do Fórum Econômico e Missão Empresarial Brasil-Itália, realizado nesta sexta-feira, 25, em São Paulo. Na ocasião, a secretária-adjunta de Saneamento e Recursos Hídricos, Monica Porto, ressaltou a importância do investimento em infraestrutura como medida para elevar os indicadores de saneamento básico.

“Há um reconhecimento firme do governo do Estado de São Paulo sobre a necessidade da participação do setor privado nas ações de infraestrutura de saneamento e, há, portanto, um número grande de projetos que podem contar com essa parceria nos mais diversos modelos”, destacou a secretária-adjunta.

Monica Porto apresentou as diferentes modalidades de investimento público em parceria com a iniciativa privada em curso no Estado de São Paulo. Um exemplo mencionado foi o Sistema Produtor São Lourenço, uma obra de R$ 2,21 bilhões realizada por meio de Parceria Público-Privada (PPP). Trata-se de um novo sistema produtor de água na região metropolitana de São Paulo para abastecer cerca de dois milhões de pessoas.

Na sequência, a secretária-adjunta citou o Aquapolo Ambiental, o maior empreendimento para produção de água de reuso da América do Sul e quinto maior do mundo. A parceria entre a Sabesp e a Odebrecht Ambiental na iniciativa não só ajudou a desenvolver o polo petroquímico de Capuava, no ABC, como ainda trouxe uma economia de água equivalente ao consumo de uma cidade com 350 mil habitantes.

O presidente da AESabesp, Olavo Alberto Prates Sachs, e o diretor internacional da ACEA, Antonio Ferrera, também participaram do encontro.

 

 

 
  Share on FacebookTweetShare on Google+Post to TumblrShare on LinkedInSend email
Mais notícias