terça-feira, 04 de outubro de 2016
CRHi realiza oficina do Programa Progestão
 
A Coordenadoria de Recursos Hídricos do Estado de São Paulo (CRHi) reuniu na manhã desta segunda-feira, dia 3, no Centro Tecnológico de Hidráulica e Recursos Hídricos (CTH), da Universidade de São Paulo (USP), técnicos de Secretarias e órgãos vinculados ao Estado para a oficina do Programa de Consolidação do Pacto Nacional pela Gestão das Águas (Progestão). No encontro, foi apresentado o estágio das metas no Estado de São Paulo, que cumpre o segundo ano do acordo com a Agência Nacional de Águas (ANA).

As informações do desenvolvimento do programa foram apresentadas pela especialista ambiental Márcia Chaves, da CRHi, que orientou sobre formato e prazos dos relatórios para o segundo período de certificação e abordou especificamente algumas metas. Técnicos das Secretarias de Saneamento e Recursos Hídricos (SSRH) e do Meio Ambiente (SMA), da Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb), da Defesa Civil, da Empresa Paulista de Planejamento Metropolitano (Emplasa) e do Departamento de Águas e Energia Elétrica (DAEE) participaram do encontro.
 
(Foto: CRHi)
Segundo o Coordenador da CRHi, Rui Brasil Assis, o Progestão é um instrumento que incentiva a melhoria na gestão de recursos hídricos. “Não basta cumprir tabela, fazendo o check list. Temos que fazer nossa avaliação para melhorarmos a gestão. O mérito deste trabalho é colocar o País inteiro para repensar suas atividades”, disse Rui Brasil.

Para o assessor da Superintendência de Apoio ao Sistema Nacional de Gerenciamento de Recursos Hídricos da ANA, Osman Fernandes da Silva, a oficina serviu para demonstrar o caminho que o Estado precisa percorrer. “É sempre um processo continuado. Este tipo de discussão nos ajuda a visualizar onde estamos e aonde queremos chegar, nos mostrando o caminho a percorrer e quais são suas dificuldades. É um processo para construir esta visão, de enxergar o caminho”, frisou.

Para conferir todas as informações do Progestão (inclusive, o cronograma) em relação ao Estado de São Paulo, clique aqui.

Programa

Criado pela ANA, o Progestão apoia os sistemas estaduais de gerenciamento de recursos hídricos, com o aporte de recursos orçamentários na forma de pagamento caso os estados alcancem metas acordadas e certificadas. Os 26 estados e o Distrito Federal podem receber até cinco parcelas de R$ 750 mil cada um.
 
Mais notícias